Guerra Junqueiro

 Nasceu em Lisboa, Portugal, em 17 de setembro de 1850, com nome de Abílio Manuel Guerra Junqueiro, e desencarnou em 7 de julho de 1923. Escreveu obras notáveis na vida física, como: “Horas de Luta”, “Vibrações Líricas”, “Musa em Férias”, merece destaque o seu: “A velhice do Padre Eterno” . Após a sua desencarnação mandou-nos do plano espiritual, por meio da médium América Delgado, sua obra mais expressiva: Os Funerais da Santa Sé, editada pela FEB Editora.  (Fonte: Reformador, 1993.)